Postagens

Mostrando postagens de Março, 2016

Sardes - Igreja Morta

Imagem
Ser discípulo de Cristo é um privilégio. Saber que Deus nos escolheu para gerar o caráter de Seu Filho em nós e tornar-nos semelhantes a Ele deve encher nosso coração de alegria e santo temor.
Infelizmente, como a Igreja de Sardes que é conhecida como a “Igreja Morta”, alguns se enveredam por esse caminho e se tornam mortos, mesmo frequentando templos, liderando grupos, participando de eventos e outros ritos religiosos.
O processo não é tão complexo. Basta uma decepção com alguém ou alguém (pessoa ou instituição) para ter início a queda ladeira abaixo. O clamar pela intervenção divina, sem resposta, leva a agonia e a decisões precipitadas.
Então a pessoa resolve fazer as coisas pela própria força e concebe o pensamento maligno que suas estratégias são melhores do que as de Deus. Seu coração se enche de soberba a ponto de não poder ser questionada e tudo passa a girar em torno dela. A pedra no túmulo são as máscaras usadas para camuflar erros, para atrair e afastar pessoas, para manter …

Mulheres Invisíveis

Imagem
No dia 08 de março comemora-se o Dia Internacional da Mulher. Escrevo este texto em homenagem às mulheres de todas as idades, etnias, e de todos os lugares do mundo. É quase certo que todos nós conhecemos alguma mulher chamada Maria, já que este é um nome bastante comum em várias partes do mundo, sejam conhecidas como: Maria, Marie, Mary, “Ô Dona Maria”, etc. Na Bíblia, Maria é um nome que aparece várias vezes, exemplo:1- Maria, mãe de Jesus, 2-Maria Madalena, que foi perdoada e salva por Jesus, tornando-se grande seguidora dEle (Mt. 27:56, 28:1; Mc. 15:40). 3- Maria de Betânia, irmã de Marta e Lázaro (Lc. 10:39 e 42; Jo. 11:1). 4- Maria mãe de Tiago (Mc. 15:40,47; 16:1; Lc. 24:10). 5- Maria Mãe de João Marcos: (At. 12:12; Cl. 4:10). 6- Maria, discípula Romana (Rm.16:6). Hoje, apresento-lhes uma “mulher invisível”, que poderia viver em qualquer lugar do mundo. Mulheres “invisíveis” são aquelas que fazem coisas indispensáveis, importantes, mas que, quase sempre, a sociedade não percebe, n…