Enchendo as Redes (III)

“Sabei agora que Deus é o que me transtornou, e com a sua rede me cercou.”
(Jó 19.6)

Certa vez falava do amor de Deus e do plano de salvação através de Cristo para um senhor, ele era uma pessoa que falava de forma calma, e neste dia ele foi, de forma voluntária, limpar o terreno da igreja. Enquanto me ouvia, carpia, e quando perguntei para ele se tinha uma decisão a tomar ele disse num tom calmo: “Eu me sinto como se estivesse cercado, não tenho para onde correr, só me resta olhar para cima”.
Muitas vezes Deus permite situações complicadas em nossas vidas e nos faz passar por dificuldades para olharmos para ele. Jó estava passando por um grande sofrimento, ele se sentia envolvido em uma rede, fisgado pelo juízo divino, ele se queixa que fora abandonado pelos amigos, seus próprios irmãos se escondem dele, os seus funcionários e servos o tratam como estranho, nem atendem mais ao seu chamado, seu hálito afasta até mesmo sua esposa e ele implora por cuidados dos seus filhos, sua pele se junta aos ossos, ele está em uma situação deplorável.
Mas Jó consegue perceber a poderosa mão de Deus sustentando sua vida e mesmo estando no meio de uma grande tribulação, ele enche o seu coração de esperança, e faz um anuncio que, conforme ele declara, gostaria que fosse gravado com pena de ferro, e com chumbo, para que fossem esculpidas na rocha: “Porque eu sei que o meu Redentor vive, e que por fim se levantará sobre a terra” (Jó 19:25).
Deus está enchendo a sua rede de pessoas que precisam de Sua misericórdia, cercando com seu amor incondicional, talvez você esteja passando por momentos de sofrimento, angústia, onde tudo parece estar perdido, olhe para cima e perceba, que você está sendo puxado para perto Dele.
              “Tu me cercaste por detrás e por diante, e puseste sobre mim a tua mão.” (Salmos 139:5)

Rev. Valdomiro Cardoso Filho

pastornanet.blogspot.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enchendo as Redes (I)

Deus no Controle

Sardes - Igreja Morta